COMPUTAÇÃO

Introdução

Para você que cursa, ou que queira saber o que é esse tal de computação, leia a seguir e fique por dentro.

A proposta de criação de cursos de Licenciatura em Informática foi iniciada pela UnB durante o Congresso da Sociedade Brasileira em Computação, em Canela, em 1995. A ideia teve sua origem cerca de 8 anos anos antes, em 1987, resultado de pesquisa com estudantes do Centro de Ensino da Asa Norte - CEAN, localizado em frente à UnB, sobre o interesse dos estudantes secundaristas em estudos de formação profissional técnica. A Informática foi escolhida como curso preferencial.

A Licenciatura em Computação, que é realizada no período noturno e tem duração de 4,5 anos, tem por objetivo formar educadores para o ensino de computação e informática das escolas da rede pública e particular dos ensinos fundamental e médio; da educação profissional, para a qualificação para o trabalho; das empresas, onde a computação é a base da formação para treinamento e educação coorporativa. O curso visa atender à necessidade imediata de informatização e absorção dos avanços dessa área nos diversos setores da sociedade. Para isso, o curso conta com disciplinas que integram as áreas de computação e educação.

Mercado de trabalho:

Este curso tem por objetivo formar educadores para o ensino de computação e da informática em:

  • Escolas da rede pública e particular dos ensinos fundamental e médio;
  • Institutos de educação profissional, com vistas a qualificar trabalhadores em suas mais diversas áreas de atuação;
  • Empresas.

Dessa forma, esta graduação visa a atender à necessidade imediata de informatização e de absorção dos avanços dessa área nos diversos setores da sociedade. Para isso, oferece disciplinas que integram as áreas de computação e educação.

Segundo o Guia do Estudante, as principais áreas de atuação profissional da área de Computação são:

  • Consultoria: orientar empresas e escolas na implantação de projetos pedagógicos para cursos de informática.
  • Desenvolvimento de softwares: projetar e desenvolver programas educacionais. c) Ensino
  • Treinamento: capacitar equipes para o uso de softwares.

Ainda de acordo com o Guia supracitado, "o ensino de computação não é obrigatório nas instituições de ensino formal do país. Mas muitas escolas, públicas e particulares, incorporam a disciplina no currículo, seja como matéria obrigatória, seja como curso extracurricular. O interesse cria uma demanda por profissionais que dominem tanto as ferramentas da computação quanto as práticas pedagógicas. Existe outra área crescendo bastante: aulas de informática para a terceira idade. Há oportunidades ainda no mercado corporativo, no desenvolvimento de aplicativos e softwares educacionais, manutenção e suporte técnico".

Vida acadêmica:

Concomitantemente à atuação profissional, o graduado em Computação pode aprofundar seus conhecimentos e seguir com estudos em nível de pós-graduação, obtendo os títulos de mestre e/ou de doutor, o que abre portas para ser pesquisador da área estudada, professor em universidades públicas e privadas ou profissional de ponta em determinado âmbito do conhecimento, tornando-se um profissional diferenciado no mercado de trabalho.

Fonte: CIC/EST

Para saber mais, clique no link abaixo:

Grupo: Andreia de Freitas Novais e Brenna


O que é ciência da computação?

"A ciência da computação é o estudo e a aplicação dos algoritmos, envolvendo a sua implementação em softwares, para a sua posterior execução em computadores. Seus estudos podem ser aplicados nas mais diversas áreas do conhecimento humano, aplicando a resolução de problemas baseados em problemas repetidos. O curso de ciência da computação EAD utiliza todas as técnicas e conhecimentos para a criação de programas de informática. Auxilia o aluno na tomada de decisões sobre as necessidades dos usuários e no desenvolvimentos de aplicativos".

(Fonte: https://www.ead.com.br/carreiras/curso-de-ciencia-da-computacao-a-distancia.html)

PROGRAMAÇÃO


EQUIPE

  • Anira Carolina Meneses
  • Caio Felipe
  • Cristoffer Leite
  • Davi Torres
  • Thallyston Schappo
  • Ronaldo Sortiago
  • Vinícius Aguiar
  • Vinícius Costa
  • Yuri Freitas